Mais lidas
Cotidiano

Máquina usada por traficantes embalava 150 mil saquinhos de cocaína por dia 

.

A polícia prendeu três suspeitos de embalar cocaína em uma casa de classe média alta na Vila Alpina, zona leste de São Paulo. No local foram apreendidas duas máquinas industriais, que segundo a polícia, têm capacidade de embalar 150 mil saquinhos da droga por dia. Os equipamentos foram apreendidos na segunda-feira (25) junto com 270 kg de cocaína.

Fora presos um homem de 40 anos, que seria o responsável pela produção, uma estudante de economia de 22 anos e uma mulher de 42 anos. Outra suspeita foi detida em uma casa em Indaiatuba, a 98 km de SP. Os nomes dos envolvidos não foram divulgados. 

Conforme apurado pela polícia, os traficantes adaptaram máquinas usadas nas indústrias para fazer sachês de molhos, como mostarda e catchup. Cada equipamento custa em média R$ 500 mil. 

De acordo com a polícia, as máquinas foram encontradas em uma edícula com isolamento acústico, que ajudava a abafar o barulho, para não chamar a atenção de vizinhos. O local era usado apenas para embalar o entorpecente, que era entregue sempre a noite. O trio preso era responsável por embalar em casa saquinho 1 grama da droga. Cada saquinho era vendido a R$ 10 nos bairros da periferia. 

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber