Mais lidas
Cotidiano

Após ter mochila com fantasia furtada, 'Homem-Aranha' faz apelo dramático a ladrão

.

Homem-aranha de Curitiba - Foto: Facebook
Homem-aranha de Curitiba - Foto: Facebook

A falta de uma das figuras folclóricas sempre presente na Boca Maldita, no Centro de Curitiba, um dos locais mais movimentados da capital do Paraná, foi sentida pelas pessoas que passam por lá rotineiramente. O Homem-Aranha não apareceu porque foi vítima de ladrão.

O artista de rua Jota Eme, que veste a fantasia do super-herói, teve a mochila furtada na região da Igreja do Rosário e dentro estava a fantasia.


O Homem-Aranha de Curitiba tira fotos com crianças que se encantam ao ver o personagem ao vivo. Essa era a fonte de renda de Jota Eme, conforme o portal G1/PR.

"Eu tenho certeza de que não foi o Duende Verde que pegou a minha roupa. Isso eu tenho certeza. Foi uma pessoa talvez de cabeça fraca, uma pessoa que fez isso aí pensando que ia ter dinheiro lá dentro. E não tem dinheiro lá dentro, tem muito mais que dinheiro. Lá tem a minha vida de Homem-Aranha", diz o artista, lacrimejando.

Apelo

Jota Eme faz um apelo para que lhe devolvam a fantasia.  "Tragam minha roupa, por favor. Eu preciso dela. Muito obrigado", finaliza o artista de rua.

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber