Mais lidas
Cotidiano

Ativistas realizam ato contra a liminar da ‘cura gay’ 

.

Ativistas realizam ato contra a liminar da ‘cura gay’  em Ponta Grossa - Foto - Danilo Kieltika/Rede Massa
Ativistas realizam ato contra a liminar da ‘cura gay’ em Ponta Grossa - Foto - Danilo Kieltika/Rede Massa

Grupos de ativistas manifestaram insatisfação neste final de semana contra o que foi denominado de 'cura gay' e condenaram ainda a violência contra a mulher.

O Grupo Universitário de Diversidade Sexual e Identidades de Gênero (Gudi), da Universidade Estadual de Ponta Grossa (UEPG), junto com outros 8 associações ativistas da cidade, organizou ato contra a liminar doliminar do juiz federal Waldemar Cláudio de Carvalho, que impede a punição de profissionais que oferecem tratamento para a reversão sexual, ou no caso, o termo mais conhecido, a ‘cura gay’. 

Participantes se pintam antes do protesto - Foto - Danilo Kieltika/Rede Massa

Segundo os organizadores, a liminar é um retrocesso e transforma todos os homossexuais em ‘doentes’. Ativistas se uniram a populares, pais e mães durante a mobilização que teve cartazes, atividades culturais e uma marcha de protesto.

Foto - Danilo Kieltika/Rede Massa

Contra mudança de noma
Um promotor de Justiça do Ministério Público do Paraná radicado na Vara de Registros Públicos em Curitiba afirmou recentemente em parecer encaminhado à Justiça que o solicitação de uma pessoa transgênero para mudar os documentos pessoais "contraria frontalmente o ordenamento jurídico"


×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber