Mais lidas
Cotidiano

Atirador que executou casal tinha homem como alvo

.

Casal foi morto na frente do filho de 2 anos. Foto: Arquivo pessoal
Casal foi morto na frente do filho de 2 anos. Foto: Arquivo pessoal

A Polícia Civil já tem uma linha de investigação para elucidar o assassinato de um casal, ocorrido na manhã de quarta-feira (20), em Curitiba. Ricardo Cordeiro, 32 anos e Juliane de Matos, 25, foram mortos por um atirador encapuzado, na frente do filho de dois anos e de um técnico de TV a cabo.

Segundo a polícia, Cordeiro tinha antecedentes criminais por receptação. A hipótese é que ele era o alvo do assassino. O crime aconteceu na casa do casal, na Rua Carlos Essenfelder, no bairro Boqueirão.

O crime
Conforme relato das testemunhas, o casal liberou a entrada do técnico na casa para instalar a TV a cabo quando foi surpreendido pelo atirador que invadiu o local encapuzado. O homem atirou contra Ricardo e a esposa e ainda falou para o técnico "fique tranquilo, se não você vai junto".

Os pais das vítimas ficaram em choque e não têm ideia do que motivou o assassinato de Ricardo e Juliane. Os corpos foram encaminhados ao Instituto Médico Legal (IML) e a polícia continua investigando o caso. 

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber