Cotidiano

Homem não conseguia ter uma ereção depois de ser arranhado por um gato

Da Redação ·
Após ser arranhado pelo seu gato, o rapaz ficou 'impotente' temporariamente. (Foto: Reprodução)
Após ser arranhado pelo seu gato, o rapaz ficou 'impotente' temporariamente. (Foto: Reprodução)

Um caso reportado no British Medical Journal revelou como o paciente desconhecido da Bélgica, estava infectado com uma doença rara e graças a um arranhão de um gato, ele não poderia mais ter ereções.

continua após publicidade

Conhecida como doença de risco de gato ou febre de arranhão de gato, ela é causada por um tipo de bactéria encontrada nas bocas e garras dos felinos. O paciente de 23 anos sofria de sintomas como disfunção erétil e dor em seus testículos, informou The Sun.

Quando ele disse aos médicos que ele tinha sido arranhado por seu gato, ele recebeu antibióticos assim que houve a suspeita da possibilidade da doença, agindo de maneira incisiva e correta no caso do jovem rapaz que felizmente foi tratado com sucesso em três semanas. "Neste caso, o paciente não conseguiu provocar a ereção apesar de sua vontade mesmo durante o período onde não apresentava nenhum outro sintoma."

continua após publicidade

Os médicos relataram que os sintomas rapidamente desapareceram e ele recuperou sua função erétil, o que também lhe garantiu a cura da infecção ocasionada pela mordida e arranhão do bichano.