Mais lidas
Cotidiano

Dupla é liberada após confessar que matou e esquartejou cachorra 

.

Agentes da Delegacia de Proteção ao Meio Ambiente (DPMA) de Curitiba fizeram a detenção na quinta-feira (24), em São José dos Pinhais, na região metropolitana de Curitiba, de dois homem, suspeitos de matar e esquartejar uma cadela. A dupla foi identificada como responsável pelo crime, ocorrido na Rua Ângelo Sgarbe, no bairro Borda do Campo. 

A cabeça da cadela chegou a ser colocada dentro de uma mala separada do corpo após a morte. Apesar da confissão e do ato com requinte de crueldade, a dupla assinou um Temo Circunstanciado por maus tratos aos animais e  foi liberada na sequência.

Testemunhas relataram que a cadela foi morta e esquartejada após ‘roubar’ um pedaço de carne. Os suspeitos teriam matado o animal em seguida. 

A Polícia Civil chegou os suspeitos após tomar conhecimento de que um cachorro havia sido brutalmente espancado e morto a facadas em São José dos Pinhais, por dois moradores do bairro Borda do Campo. 

Ao chegar ao local, os policiais foram informados de que o animal já havia sido enterrado por moradores da região, conforme o portal Banda B.

A equipe prosseguiu com as buscas, até que encontrou os homens em um ponto de uso de drogas. A dupla foi levada à delegacia para prestar esclarecimentos e confessaram o crime, porém alegam não lembrar do que exatamente aconteceu, pois estavam sob efeito de entorpecentes.

Segundo a polícia, os homens já tem passagens policiais pelos crimes de tráfico de drogas e furto. 

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber