Mais lidas
Cotidiano

NASA detecta mancha gigantesca e enigmática no Sol; veja vídeo

.

Mancha no Sol é tão grande que poderá ser vista da Terra em breve - Foto: NASA
Mancha no Sol é tão grande que poderá ser vista da Terra em breve - Foto: NASA

A NASA (Agência Espacial Norte-americana) divulgou imagens de uma mancha gigantesca na superfície do Sol, feitas pela sonda não tripulada Solar Dynamics Observatory entre 5 e 11 de julho. A mancha é tão grande que poderá ser vista da Terra em breve, conforme estimativa de cientistas. Astrônomos ressaltam também que apesar de parecer relativamente pequena no vídeo, ela é maior do que o nosso planeta.

Segundo os astrônomos, a mancha em questão é a primeira a surgir na parte visível do Sol. Durante a redução da atividade solar, tais fenômenos são mais raros do que no período quando a atividade se encontra a um nível estável. Há uma possibilidade de ela causar erupção solar, mas, de acordo com pesquisadores da NASA, ainda é prematuro para falar sobre isso.

Definição
A atividade solar é definida pelo número de manchas e explosões na superfície do Sol, bem como pelas mudanças do campo magnético do astro. 

O ciclo solar é de aproximadamente 11 anos. Este período é caracterizado por tempestades geomagnéticas fortíssimas e frequentes, que causam tanto problemas técnicos, como afetam a saúde das pessoas.

Como mostraram as observações, no fundo do Astro Rei está acontecendo, de fato, algo extraordinário. Desta forma, as iamgens indicam que a camada, onde surgem campos magnéticos perto da superfície, está cada vez mais fina, o que afeta o comportamento das manchas no Sol.


×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber