Cotidiano

Soldada da Polícia Militar morre de AVC aos 32 anos

Da Redação ·
Fernanda faleceu após dias internada em decorrência de um AVC. - foto - reprodução/Facebook
Fernanda faleceu após dias internada em decorrência de um AVC. - foto - reprodução/Facebook

Fernanda de Bassi Fabrão, de 32 anos, soldada da Polícia Militar (PM) de Londrina no Paraná (PR) morreu no começo desta semana após dias internada em decorrência de um acidente vascular cerebral (AVC). A morte precoce de Fernanda causou comoção entre familiares, amigos e até mesmo desconhecidos.

continua após publicidade

Em nota divulgada no Facebook, o 5° Batalhão de Polícia Militar prestou uma homenagem à soldada. A publicação teve dezenas de compartilhamentos.

“É com pesar e muita tristeza que noticiamos o falecimento da Sd. QPM 1-0 Fernanda de Bassi Fabrão. Incluída na PMPR em 22/02/2016 e apesar do pouco tempo de atividade, esta jovem cativou o coração, a simpatia, o respeito e a amizade dos seus superiores hierárquicos e colegas de trabalho.

continua após publicidade

A querida Soldado Fernanda, apesar de sua tenra idade, foi acometida de um AVC semanas anteriores e permaneceu internada por vários dias.

A esperança manteve-se viva nas orações de todos que a estimavam e torciam pela sua recuperação. Mas os planos de Deus foram maiores para essa querida mãe e esposa que a recolheu para uma missão mais grandiosa. 

Aos familiares e amigos os nossos sentimentos e lamento pela ausência desta guerreira!”

O corpo de Fernanda foi sepultado na tarde de quarta-feira (28) em Londrina. Ela deixa marido e um filho.