Cotidiano

Cantor sertanejo é assassinado a tiros e esposa acaba baleada na coluna

Da Redação ·
 Cantor sertanejo Mário Rodrigo Santos Sobral tinha 35 anos e 19 de carreira artística - Foto
Cantor sertanejo Mário Rodrigo Santos Sobral tinha 35 anos e 19 de carreira artística - Foto

O cantor sertanejo Mário Rodrigo Santos Sobral, mais conhecido como 'Rodrigo Souza', de 35 anos, foi morto a tiros no fim de semana, no bairro Clima Bom, em Maceió (AL). Ele tinha 19 de carreira artística.

continua após publicidade

Segundo a polícia, o  caso estaria relacionado a supostas tentativa de assalto ou ainda à cobrança de uma dívida. O casal estava dentro de um carro quando foi abordado .

continua após publicidade

Quatro tiros
O cantor foi baleado quatro vezes (na cabeça e no braço). Já a esposa dele, Thayse Alves da Silva, de 27 anos, foi atingida por um disparo de arma de fogo na região da coluna. Os policiais fizeram rondas na região, mas nenhum suspeito foi encontrado.

No relatório do Centro Integrado de Operações da Segurança Pública (SSP) consta a informação de que o casal fora vítima de uma tentativa de homicídio. Mas, familiares e amigos utilizaram as redes sociais no fim de semana para lamentar o episódio e comunicar o sentimento de luto pela morte do artista alagoano.

Duas versões para o crime
Há duas versões para o crime, conforme o portal Gazeta Web. Testemunhas dizem que houve reação a um assalto e outras relatam que Ronaldo Souza foi assassinado depois de ter cobrado uma dívida. A Delegacia de Homicídios de Maceió vai começar a investigar o caso nesta segunda-feira (26).

Trajetória artística
Com 19 anos de estrada e um extenso histórico de participações em bandas, o cantor e compositor Rodrigo Souza se lança em um projeto solo prometendo inovar com o que seria um novo conceito de arrocha e sofrência. Ele era filho do intérprete de música popular Moab, do qual herdou a musicalidade.