Mais lidas
Cotidiano

Ex-prefeito de Londrina tem bens bloqueados pela Justiça

.

ex-prefeito Barbosa Neto foi cassado em 2012​ pela Câmara Municipal de Londrina  - Foto: Arquivo
ex-prefeito Barbosa Neto foi cassado em 2012​ pela Câmara Municipal de Londrina - Foto: Arquivo

O juiz titular da 1ª Vara da Fazenda Pública da Comarca de Londrina (norte do Paraná), Marcos José Vieira, decretou a indisponibilidade de bens do ex-prefeito Barbosa Neto, do ex-secretário de Gestão Pública Cleberson Luciano Cândido, da empresa que forneceu alimentos para a merenda escolar, Domingues e Kessa Ltda, de Maringá, do proprietário dela, Valdir Domingues da Silva, além de seis servidores públicos municipais. Todos são acusados pelo Ministério Público (MP) de improbidade administrativa.

De acordo com a decisão do magistrado, os recursos bloqueados giram em torno de R$ 582 mil, correspondendo ao valor de R$ 388 mil e mais 50% a título de multa civil. A empresa maringaense venceu um pregão realizado em janeiro de 2011 para repassar, dentre outros produtos, peito de frango e carne de boi para a menenda escolar. O juiz entendeu que "há indícios concretos de que os agentes públicos, valendo-se de poder inerente a seus cargos, concorreram conscientemente para que se concedesse à Domingues e Kessa Ltda reajuste indevido de preço por meio de ata complementar".

O ex-prefeito Barbosa Neto foi cassado em 2012 pela Câmara Municipal de Londrina por supostamente ter mantido dois vigias pagos com dinheiro da prefeitura na emissora de rádio da família. Ele ainda não se manifestou sobre a decisão judicial.


×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber