Facebook Img Logo
  1. Banner
Mais lidas
Cotidiano

Em discurso no plenário senador alerta para a colisão de planeta com a Terra

.

Senador Telmário Mota - PTB-RR. (Foto: Geraldo Magela/Agência Senado)
Senador Telmário Mota - PTB-RR. (Foto: Geraldo Magela/Agência Senado)

Em meio ao caos político e grande tensão enfrentada pelo país, um senador aparentou estar um pouco alheio aos fatos ocorrido nos últimos dias. Durante seu discurso realizado no plenário na última quinta-feira (25), o senador Telmário Mota (PTB-RR) fez um alerta à nação brasileira: Um planeta irá se chocar com a Terra em pouco tempo.

O senador diz em sua fala que um estudo da NASA afirma que um planeta de nome Nibiru está vindo em direção ao nosso planeta. De acordo com o senador o relatório da NASA diz que o planeta irá alterar o campo gravitacional da Terra.

Telmário Mota continuou seu alerta apocalíptico fazendo uso de uma conta, no minimo, confusa. Ele declara que com a colisão do planeta Nibiru 2/3 da humanidade irá perecer e outros 2/3 morrerão de fome e doenças. Por fim, o senador disse que irá enviar o estudo à sua equipe de assessores para averiguar a veracidade dos fatos ali apresentados.

Em nota o senador relatou que a intenção do discurso era de “ironizar a preocupação de alguns com suposições não comprovadas enquanto um mal real assola Roraima e o Brasil, a corrupção”. Telmário Mota também acusou a quem chamou de “senador do mal” de se utilizar do discurso para, de acordo com o senador, tentar macular a imagem de homem público sério e honesto. Confira a nota na íntegra no final da matéria.


MULHER PRESA

Na última quarta-feira (24), a mulher do senador, Suzete de Macedo de Oliveira, se entregou à Polícia Federal. Ela era considerada foragida desde que foi decretada a sua prisão pela Justiça.

Suzete foi condenada a seis anos e oito meses de prisão por estar envolvida no esquema de desvio de verbas públicas conhecido como “escândalo dos gafanhotos”. De acordo com a assessoria do senador, Suzete se entregou como forma de não causa constrangimento e aguardará o habeas corpus que foi impetrado por seus advogados.

PLANETA NIBIRU

Ronda na internet uma teoria da conspiração que diz que um planeta de nome Nibiru, também conhecido como Planeta 7X ou Planeta X passa pelo nosso Sistema Solar a cada 3,6 mil anos, causando grandes estragos. A teoria afirma que o planeta, que possui o tamanho de Júpiter, já foi estudado pela NASA e que tanto a agência espacial quanto o governo americano tem conhecimento das prováveis catástrofes que causará a humanidade.

A origem da especulação do planeta Nibiru remonta ao povo sumério, há cerca de 5 mil anos. A cultura suméria acreditava que uma civilização avançada veio até a Terra há 450 mil anos, fundando uma colônia para explorar minério. Os sumérios atribuíam a criação do Homo Sapiens aos alienígenas, com o intuito de serem escravizados para auxiliar na busca por minério.

NOTA DE ESCLARECIMENTO DIVULGADA PELO SENADOR TELMÁRIO MOTA

Venho a público, por meio desta nota, esclarecer a meus eleitores e ao povo de Roraima que a intenção clara do discurso onde comparo o suposto planeta Nibiru, sobre o qual uma eleitora me escreveu, e o senador conhecido pelo codinome Caju, foi ironizar a preocupação de alguns com suposições não comprovadas enquanto um mal real assola Roraima e o Brasil, a corrupção.

Algumas páginas no facebook, lideradas pelo senador do mal, utilizaram-se desse discurso para tentar macular minha imagem de homem público, sério e honesto, mas apesar da repercussão negativa baseada na edição irresponsável do vídeo não retiro as palavras proferidas no Plenário, porque nesse momento da vida nacional em que vivemos a maior crise política e institucional dos últimos tempos, tenho o dever de reafirmar o meu questionamento: “O que será mais devastador para Roraima, o suposto Nibiru ou a corrupção comandada pelo parlamentar que atende pelo codinome de Caju?”

Senador Telmário Mota (PTB/RR)

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Soprap

Edhucca

Últimas de Cotidiano

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber