Cotidiano

Temer cancela compromissos e diz se sentir vítima de uma conspiração, segundo senador

Da Redação ·
Foto: Jorge William / O Globo
Foto: Jorge William / O Globo

Após o vazamento das delações dos sócios da JBS, o presidente Michel Temer congelou sua agenda. Ele que ainda não deu nenhuma declaração formal, apenas uma nota pelo planalto, declara aos que o cercam no Planalto, que se sente vitima de uma conspiração.

continua após publicidade

Quem verbaliza a declaração é o senador Sérgio Petecão – PSD/AC – que participou de uma das reuniões de emergência. “Ele (Temer) está muito chateado, diz se sentir uma vítima de conspiração.”, complementa Petecão.

A reunião com o senador era o primeiro dos 18 compromissos de Temer nesta ao longo do dia de hoje. Quando terminada a reunião, o presidente optou por congelar sua agenda oficial, cancelando assim seus outros 17 compromissos desta quinta. No site do planalto consta apenas que a agenda foi fechada pra despachos internos.