Mais lidas
Cotidiano

Bebê abandonado em banheiro encontra família depois de 60 anos

.

Robert Weston, 61 anos. (Foto: Ken Macperson)
Robert Weston, 61 anos. (Foto: Ken Macperson)

Um homem, que foi abandonado quando ainda era apenas um bebe de três semanas, reencontrou sua família biologia após mais de 60 anos. Robert Weston, 61 anos, foi deixado envolto a cobertores no banheiro do cinema da cidade de Birminghan, na Inglaterra.

Robert conseguiu finalmente encontra-los após contratar um “detetive de DNA”, que descobriu que sua família vivia na Escócia. “Foi tudo tão intenso e bonito. Me sinto sortudo por eles serem tão adoráveis. Valeu a pena cada minuto dessa busca”, disse ao jornal Daily Mail.

Robert Weston apareceu em um jornal de Birmingham em 1956 após ser abandonado. (Foto: Reprodução)

Depois de sete anos em uma casa para adoção ele foi adotado pelo casal George e Irene, que descreveu como "pessoas fantásticas". Mas apesar de uma boa educação, ele nunca perdeu a vontade de descobrir sua família biológica.

A "detetive de DNA" Julia Bell, 47 anos, se ofereceu para ajudar na busca. Robert deu-lhe uma amostra de saliva, que passaram por três bancos de dados. Os resultados combinavam com escocês Tommy Chalmers, 59 anos, que concordou que fosse feito o teste de DNA, revelando que ele e Roberto eram meio-irmãos.

Robert (meio da foto) abraçou seu meio-irmão e meia-irmã Pat McBain. (Foto: Ken Macperson)

Tommy desconfiava que seu falecido pai Charlie Chalmers, tinha uma segunda família. "Papai tinha ido trabalhar algumas vezes na Inglaterra. fiquei chocado ao descobrir que eu tinha um irmão perdido por aí”, disse Tommy ao jornal The Sun.

Quando Charlie morreu aos 74 anos em 1997, Tommy e a irmã Pat encontraram uma carta entre os documentos de seu falecido pai dizendo que "ela não podia se dar ao luxo de cuidar de dois filhos". Eles levantaram a suspeita de que Robert possa ter um irmão ou irmã.

Eles e outros membros da família agora estão tentando localizar a pista que Robert levar até sua mãe.  Apesar de ter sido abandonado por ela, Robert disse que não guarda rancor. "Eu a perdoei. Eu a amo, ela é minha mãe e isso não vai mudar.”, disse ao Daily Mail.

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber