Cotidiano

Quanto custa o assassinato de Kim Jong-un?

Da Redação ·
Grupo terrorista preparava um atentado contra o líder norte-coreano, Kim Jong-un - Foto - realitatea
Grupo terrorista preparava um atentado contra o líder norte-coreano, Kim Jong-un - Foto - realitatea

Na sexta-feira, 12 de maio, Kim Hyung-joon, embaixador da Coreia do Norte na Rússia, declarou que o seu país identificou um grupo terrorista que estava preparando um atentado contra o líder norte-coreano, Kim Jong-un. De acordo com Agência de Notícias Sputinik - Coreia, citando o embaixador, a organização da tentativa de atentado contra Kim Jong-un custou 300 mil dólares (mais de 900 mil reais). Os serviços de inteligência norte-americanos e sul-coreanos entregaram este dinheiro a um cidadão norte-coreano para que ele organizasse um atentado contra a liderança norte-coreana.

continua após publicidade

O assassinato secreto deveria ocorrer durante comemorações cívicas, com a ajuda de uma substância bioquímica (material radioativo ou tóxico) "capaz de eliminar os dirigentes sem haver contato físico".

"Eles [a CIA e a inteligência sul-coreana] entregaram duas vezes a esse sujeito 20 mil dólares (cerca de 63 mil reais) e um aparelho de emissão/recepção por satélite, enfatizou Kim Hyung-joon.

continua após publicidade

Segundo o embaixador, ohomem escolhido para consumar o atentado foi ameaçado com o assassinato da sua família e ele recebia ordens da inteligência sul-coreana através de satélite. Durante 2016 foram registradas quatro conversas em que foram apresentados vários métodos de conseguir êxito o referido plano.

No segundo semestre de 2016, o potencial autor do atentado foi pressionado para agilizar o plano e orientado no sentido de organizar "um posto de comunicação para fornecer equipamento, materiais e dinheiro". Para este objetivo, bem como para subornar cúmplices, ele recebeu mais 200 mil dólares (cerca de 630 mil reais).

Em março-abril deste ano oautor da tentativa de atentado recebeu mais 50 mil dólares (157 mil reais)e um novo aparelho receptor via satélite. No fim do abril, os preparativos terminaram. A operação era mantida em rigoroso segredo para evitar a guerra na península da Coreia. No total, Kim recebeu 80 ordens da inteligência sul-coreana.

continua após publicidade

Eliminar sem piedade
O embaixador afirmou que Pyongyang "eliminará sem piedade" os organizadores da tentativa de atentado contra as autoridades norte-coreanas. Ele acrescentou também que tanto os EUA, como a Coreia do Sul devem pedir desculpas e punir os culpados.

Veja vídeo de desfile militar na Coreia do Norte com a presença do líder Kim Jong-un

Quanto custa o assassinato de Kim Jong-un? - Vídeo por: Reprodução

As informações são da Agência de Notícias Sputinik