Mais lidas
Cotidiano

Com pastora brasileira, Cuba realiza primeira cerimônia religiosa para LGBTs

.

Missa aconteceu em Cuba. (Foto: Reuters)
Missa aconteceu em Cuba. (Foto: Reuters)

Três pastoras transexuais, uma delas brasileira, celebraram na última sexta-feira em Cuba, a primeira missa para LGBTs. O evento foi realizado na cidade de Matanzas, próximo a capital Havana.

"Esta noite foi uma noite de celebração da igualdade entre todas as pessoas, marcando uma nova era para Cuba", disse a brasileira Alexya Salvador a agência de notícias Reuters, "O amor de Deus é radicalmente inclusivo", completou.

A missa foi celebrada, além da pastora brasileira, por uma americana e canadense oficializando o encerramento de uma conferência de três dias sobre identidade de gênero e teologia organizada pela filial cubana da Igreja da Comunidade Metropolitana Internacional.

"Este não é apenas o primeiro evento tipo em Cuba, certamente é um dos primeiros a ser realizado no mundo", disse Allyson Robinson, pastora transexual americana.

A conferência aconteceu antes do 10º aniversário da celebração do Dia Mundial contra a homofobia. 

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber