Mais lidas
Cotidiano

Fotógrafa militar de 22 anos capta momento da própria morte em explosão

.

Hilda Clayton era lotada na 55ª Signal Company, no estado de Maryland​ - Foto: Hilda Clayton, U.S. Army Handout, EPA​ -
Hilda Clayton era lotada na 55ª Signal Company, no estado de Maryland​ - Foto: Hilda Clayton, U.S. Army Handout, EPA​ -

O Exército norte-americano divulgou recentemente a última foto tirada por Hilda Clayton antes de sua morte. Fotógrafa militar, ela captou o instante em que um morteiro dispara acidentalmente durante um treinamento no Afeganistão. 

Hilda Clayton era lotada na 55ª Signal Company, no estado de Maryland - Foto: Foto - U.S. ARMY/HANDOUT

A imagem foi feita em 2013, mas apenas este ano a Defesa americana fez a divulgação. Na ocasião, militares afegãos e um fotojornalista que treinava a americana também morreram.

Aos 22 anos, Hilda nasceu em Augusta, estado da Geórgia. Ela era lotada na 55ª Signal Company, no estado de Maryland.


Vídeo Eyewitness News

As informações são do USA Today

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber