Mais lidas
Cotidiano

Após Mistubishi ser flagrada a 195 km/h, Mercedes passa pelo radar da PRF a 199 km/h

.

Após agentes da Polícia Rodoviária Federal (PRF)  flagrarem na sexta-feira (21), um veículo Mitsubishi Lancer trafegando pela BR-277 a 195 km/h, neste sábado (22) outro motorista superou o primeiro.Imagens captadas por radar da PRF na BR-277 nesta tarde, mostram um automóvel Mercedes Benz transitando a 199 km/h. O primeiro flagrante foi registrado nas redondezas de São José dos Pinhais (região metropolitana de Curitiba) e o de hoje ocorreu em Matelândia, região oeste do Paraná. No local o “campeão” de abuso, a velocidade máxima sinalizada no local, que fica no perímetro urbano de Matelândia, é de 80 km/h. 

O veículo foi flagrado em uma fiscalização sem abordagem. Desta forma, o proprietário receberá pelos Correios uma notificação de infração de trânsito de natureza gravíssima (sete pontos, com multa de R$ 880). Ele ainda responderá um processo de suspensão do direito de dirigir. O prazo de suspensão é de dois a oito meses.

Na sexta-feira, segundo a PRF, em apenas 1h30 de fiscalização na BR-277, na região de Curitiba, 87 veículos tiveram suas placas captadas pelo radar da PRF –praticamente um por minuto.

Imprudência banalizada
Outra cena de imprudência foi registrada pela PRF em Ponta Grossa, na região dos Campos Gerais. O radar câmera portátil da corporação captou a imagem de uma motocicleta a 181 km/h em um trecho urbano da BR-376, onde a velocidade máxima é de 80 km/h.

A infração cometida pelo motociclista também é gravíssima e leva à suspensão da carteira de habilitação. A Polícia Rodoviária Federal prioriza os locais mais críticos, onde há maior incidência de acidentes graves, para fiscalizar o excesso de velocidade com seus radares portáteis. Os equipamentos são usados em todas as regiões do Paraná.

Excesso de velocidade e combate à embriaguez 
Além de coibir o excesso de velocidade, o combate à embriaguez ao volante e a fiscalização de ultrapassagens irregulares são os focos da Operação Tiradentes da PRF. Iniciada na quinta-feira (20), a operação termina à meia-noite de domingo (23).

Telefone de emergência
Quem eventualmente testemunhar algum tipo de situação de risco ou imprudência nas rodovias federais de todo o país pode acionar a PRF pelo telefone de emergência 191.

As informações são do portal Banda B

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber