Mais lidas
Cotidiano

Assassino do Facebook se mata com tiro durante perseguição policial

.

Assassino do Facebook se matou com tiro - Foto: AP/The Sun
Assassino do Facebook se matou com tiro - Foto: AP/The Sun

A polícia norte-americana encerrou a busca pelo chamado “assassino do Facebook”, após o corpo sem vida de Steve Stephens ser localizado no interior de um carro em Erie, na Pensilvânia.

De acordo as autoridades dos EUA, o homem que tinha assassinado um septuagenário no domingo em Cleveland, se matou com um tiro na cabeça, após uma breve perseguição policial na terça-feira (18). 

“O nosso objetivo desde as duas da tarde de domingo era de evitar que o Sr. Stephen pudesse fazer mais vítimas. Esse era o objetivo principal num momento em que a investigação prosseguia. O outro objetivo era conseguir deter o Sr. Stephens de forma segura, mas infelizmente ele decidiu que tal não iria acontecer”, disse o chefe do FBI em Cleveland, Steven Anthony

Steve Stephens queria vingança contra uma ex-namorada - Foto: guardian/ng

Vítima escolhida aleatoriamente
suspeito teria escolhido a sua vítima ao acaso, durante um passeio em Cleveland, antes de filmar o homicídio e parte da fuga. Ele postou as imagens do crime na rede social Facebook.

Vingança contra ex-namorada
Stephens tinha igualmente afirmado ter morto mais de uma dezena de pessoas, aparentemente numa ação de vingança contra uma ex-namorada. A polícia dos EUA, que realizou uma verdadeira caça intensiva ao homem nos últimos dias, afirma não ter qualquer indício de outras vítimas.

As informações são do portal Euronews

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber