Mais lidas
Cotidiano

Turismo rural aumenta em 30% renda de agricultores familiares do Paraná

.

Rancho Caminho das Águas, localizado na Colônia Murici, em São José dos Pinhais.Foto: Rafael Nogarolli/Fotografia
Rancho Caminho das Águas, localizado na Colônia Murici, em São José dos Pinhais.Foto: Rafael Nogarolli/Fotografia

As ações do Governo do Paraná, para promover o turismo rural, aumentam em 30% a renda dos agricultores familiares do Estado. A estimativa é do Instituto Emater, pertencente à Secretaria da Agricultura e do Abastecimento, que mensura como as atividades turísticas acabam impulsionando a movimentação nas propriedades ruais. 

“Chegamos a este valor baseados nas conversas que temos com os produtores rurais do Estado. O movimento nas propriedades aumenta consideravelmente com as ações de turismo e isso se reflete em mais renda aos agricultores familiares”, afirma a coordenadora estadual de turismo rural do Instituto Emater, Valdete Zarpellon.

O restaurante Nova Polska, em Campo Magro, na Região Metropolitana de Curitiba, é um exemplo disso. O movimento da propriedade depende exclusivamente dos turistas do campo. “Hoje eu posso dizer que 100% do meu faturamento vem do turismo rural”, conta o proprietário Luan Marcel de Souza, que há dez anos serve Pierogie, Kluski (uma massa com batata e requeijão) e outros pratos típicos da Polônia. 

Caminhadas
Uma das ações do Governo que leva clientes ao restaurante de Souza é a Caminhada Internacional da Natureza, evento internacional organizado no Paraná pelo Instituto Emater, prefeituras municipais e pela ONG Anda Brasil. Promovidas no Paraná desde 2006, as caminhadas atraem cerca de 40 mil turistas e movimentam mais de R$ 1 milhão todos os anos.

“É uma ferramenta não só para atrair o público urbano, mas também uma forma de mostrar como se vive no mundo rural e promover a comercialização dos produtos feitos no campo”, diz Valdete. Souza conta que, nas últimas edições do evento, ele teve que fechar seu estabelecimento para atender apenas os caminhantes. “É normal vir cerca de 300 pessoas comer por aqui”, relata. 

Agenda
Em 2017, serão promovidas 147 caminhadas e cicloturismo (ciclismo no campo), sendo que a próxima vai acontecer no domingo (19) em Borrazópolis, no Vale do Ivaí. As caminhadas costumam ter até quatro mil participantes que geralmente consomem nos restaurantes e nas propriedades rurais, movimentando a economia e geram mais renda aos agricultores familiares.

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber