Mais lidas
Cotidiano

Ex-namorado confessa assassinato de jovem que estava desaparecida 

.

Jaqueline foi estrangulada e seu corpo jogado em um matagal. Foto - arquivo pessoal
Jaqueline foi estrangulada e seu corpo jogado em um matagal. Foto - arquivo pessoal

Foi preso neste sábado (18) em Iguaraçu no Paraná (PR), Douglas Silva da Conceição, de 23 anos, que assumiu a autoria da morte de Jaqueline Valeze, de 21 anos. A moça era sua ex-namorada e estava desaparecida desde a noite de quinta-feira (16). Ela era modelo, formada em pedagogia e deixou um filho de apenas três anos.

De acordo com a Polícia Civil, o rapaz assassinou a ex ainda na noite do desaparecimento quando eles teriam se encontrado para conversar. Durante uma discussão, ele acabou estrangulando ela e depois desovou seu corpo em um matagal. 

Ele passou o dia seguinte do crime em um parque aquático para despistar a polícia. Nesse tempo, ele também teria entrado em contato com a família da vítima afirmando que ajudaria nas buscas. 

No carro dele foi encontrado terra e fios de cabelo de Jaqueline. A princípio ele negou o crime e disse que na noite de quinta-feira estava com um amigo. O colega confirmou a informação mas disse que em determinado momento o suspeito se ausentou e retornou somente depois uma hora.

Em conversa com a polícia, o ex-namorado de Jaqueline acabou se contradizendo e confessou o crime indicando onde o corpo estava. Ele disse que matou por ciúmes e que estava arrependido. Ele foi detido e autuado em flagrante. 

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber