Mais lidas
Cotidiano

Astrônomos descobrem 60 novos planetas e não descartam existência de vida alienígena em um deles

.

Ilustração mostra como o exoplaneta poderia parecer: possibilidade de vida? - Imagem: NASA / JPL-Caltech
Ilustração mostra como o exoplaneta poderia parecer: possibilidade de vida? - Imagem: NASA / JPL-Caltech

Um grupo de cientistas internacionais confirmou a existência de 60 novos planetas ao redor das estrelas do nosso sistema solar e batizou um deles de "'super terra' rochosa", conforme o jornal britânico The Independent. De acordo com astrofísicos, este número pode chegar a 114.

O planeta Gliese 411b, que forma o terceiro sistema solar mais próximo à Terra e está situado a distância de 8 anos-luz, atraiu atenção de cientistas que o qualificaram como 'super terra' quente com superfície rochosa. 

A equipe de pesquisadores está elaborando um mapa para que os telescópios gigantes do futuro possam ser usados para tirar fotos dos novos planetas descobertos.

Conforme astrônomos, pelo menos alguns dos planetas podem ser como a Terra, e capazes de sustentar a vida

Os resultados da pesquisa são baseados em quase 61.000 observações individuais de 1.600 estrelas durante um período de 20 anos por astrônomos americanos usando o telescópio Keck-I no Havaí.

As observações foram  iniciadas em 1996 pelos astrônomos Steve Vogt e Geoffrey Marcy, da Universidade da Califórnia e Paul Butler, do Instituto Carnegie de Ciência, em Washington.

Com informações do The Independent

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber