Cotidiano

Mulher que teve pernas decepadas em Curitiba é identificada; polícia prende 2º suspeito

Da Redação ·
Segundo suspeito de participar de assassinato de mulher em Curitiba foi apresentado à imprensa - Foto: Ricardo Vilches/Rede Massa
Segundo suspeito de participar de assassinato de mulher em Curitiba foi apresentado à imprensa - Foto: Ricardo Vilches/Rede Massa

A polícia identificou a mulher que foi morta por asfixia e teve as pernas decepadas na noite de 2 de novembro em Curitiba. Julia Alvarenga Formizano tinha 37 anos. A polícia dá sequência às investigações relativas ao caso e já apurou que Julia era usuária de drogas. Imagens de câmeras de segurança mostram dois homens ‘carregando o corpo e as pernas’ da vítima

continua após publicidade

Mulher que teve pernas decepadas em Curitiba é identificada; polícia prende 2º suspeito fonte: Reprodução

Marco Aurélio Barbosa, apontado pela polícia como sendo o segundo homem que aparece nas imagens de câmeras de segurança, foi preso na sexta-feira (4) e apresentado à imprensa na manhã desta segunda-feira (7). 

continua após publicidade

Conforme a delegada Sabrina Alexandrino, o acusado nega o crime, assim como o outro suspeito, Marcio José Lara dos Santos, que foi preso logo após o assassinato.

“Sabemos que a vítima era dependente química e teve um ex-namorado traficante, que também foi assassinado. Assim, acredita-se que o crime pode ter uma motivação relacionado a isso”, relatou a delegada.

Terceira pessoa
A polícia disse ainda, que não descarta a possibilidade de envolvimento de uma terceira pessoa no crime. O foco das investigações agora é a motivação do homicídio.

Com informações e fotos do MassaNews e Banda B