Cotidiano

Estimulante sexual feminino apresenta bom resultado em teste avançado

Da Redação ·
Imagem ilustrativa
Imagem ilustrativa

Uma droga para aumentar a libido de mulheres na pré-menopausa incomodadas pela falta de desejo sexual conseguiu atingir os principais objetivos em testes clínicos em estágio avançado, conforme os resultados iniciais divulgados na terça-feira (1) pelo desenvolvedor, a Palatin. 

continua após publicidade

De acordo com a Palatin, droga experimental bremelanotide demonstrou estatisticamente melhoria significativa em relação ao placebo em escalas que mediram os níveis de desejo e incômodo durante estudos de 24 semanas com mais de 1.200 mulheres diagnosticadas com o transtorno do desejo sexual hipoativo. 

Efeito colateral
Sheryl Kingsberg, uma das pesquisadoras do novo produto nos EUA, afirmou que a droga foi bem tolerada com nenhum novo tema de segurança identificado. O efeito colateral mais frequente foi náusea, geralmente leve. 

continua após publicidade

O medicamento é para ser ingerido antes da atividade sexual, mas não é uma pílula. A substância deve ser auto-injetada sob a pele. A Palatin espera conseguir aprovação nos Estados Unidos para comercialização do produto na segunda metade de 2017.

Com informações da Reuters