Cotidiano

Polícia prende skinhead que decepou orelha de vocalista de banda punk

Da Redação ·
Jovem foi preso em Curitiba. Foto: Polícia Civil
Jovem foi preso em Curitiba. Foto: Polícia Civil

A Divisão de Homicídios e Proteção a Pessoa (DHPP) informou neste sábado (29) que prendeu em Curitiba, um homem de 23 anos, suspeito de participar de uma tripla tentativa de homicídio contra integrantes de uma banda conhecida como “Poluição Sonora”, ocorrida no mês de junho de 2016, no Estado de Santa Catarina. A prisão aconteceu no bairro Portão, em apoio à Polícia Civil de São Bento do Sul.

continua após publicidade

O crime aconteceu no dia 12 de junho deste ano, no Centro do município de São Bento do Sul, localizado no Norte de Santa Catarina, em frente a um bar onde aconteceria um festival de música punk. As vítimas desceram de uma van e foram atacadas pelo suspeito e mais quatro homens – que foram presos em flagrante no local.

De acordo com a polícia os suspeitos proferiram uma saudação nazista e começaram a agredir os integrantes da banda utilizando faca, pequenos machados e martelos. As vítimas foram feridas na face, cabeça e no pescoço, e um dos cantores teve a orelha decepada durante as agressões.

continua após publicidade

Para a polícia o crime teria sido motivado por diferenças ideológicas. A banda “Poluição Sonora” defende a igualdade entre as pessoas, principalmente entre negros e gays, já os agressores são integrantes de um grupo de skinhead que fazia alusão ao nazismo. “Inclusive, todos possuíam uma suástica, que é o símbolo do nazismo, tatuado em seu corpo”, afirma o delegado-chefe da DHPP, Fábio Amaro.

O delegado suspeita que o grupo tenha se reunido com o intuito de cometer o crime, já que moravam em municípios distintos – Curitiba, Agudos do Sul e São Paulo.

O homem responderá por tripla tentativa de homicídio, e já foi encaminhado para a comarca de São Bento do Sul, onde está preso à disposição da Justiça.