Cotidiano

Violino da orquestra do Titanic está avaliado em US$ 1 milhão

Da Redação ·
Foto: BBC
Foto: BBC

O lendário Titanic é emblemático quando o assunto é naufrágios. O navio agregou ao longo de mais de um século.A orquestra não parou de tocar durante o naufrágio para tentar acalmar os passageiros que corriam freneticamente para salvar suas vidas. Isso deu uma conotação sentimental e romântica à história, mesmo sem comprovação da veracidade. Conforme relatos compilados, o corpo do 'bandmaster' da banda, Wallace Hartley, teria sido retirado da água dois dias após naufrágio do Titanic ainda com a caixa de seu violino, avaliado posteriormente em US$ 1 milhão, amarrada às costas. O violino fora construído na Alemanha e presenteado a Wallace Hartley por sua noiva, Maria Robinson.

continua após publicidade

Em março de 2013, após dois anos de minuciosa análise coordenada pelo Forensic Science Service (Serviço de Ciência Forense), contratada pelos renomados leiloeiros britânicos Henry Aldridge & Son, foi anunciado que um violino encontrado no sótão de um cidadão inglês dentro de uma caixa com as iniciais "W.H.H." era efetivamente o instrumento usado pelo maestro Hartley a bordo do R.M.S. Titanic (Royal Mail Ship).

A identificação foi possibilitada por uma inscrição feita no violino (de fabricação alemã) pela esposa do maestro em 1910, que dizia: "Para Wallace, por ocasião do nosso noivado, por Maria." Outros testes feitos por especialistas metalúrgicos da Associação Gemológica da Grã-Bretanha confirmaram que a placa de prata na parte de baixo do instrumento era originalEm outubro de 2013, o famoso instrumento foi vendido para a casa de leilões Henry Aldridge & Sons, em Wiltshire, Inglaterra, por novecentas mil libras £900,000 ou mais de US$ 1.000.000 na cotação atual, conforme o portal bbc.com . 

continua após publicidade

Tomografia
Para confirmar a constatação, foram realizadas tomografias computadorizadas do interior do violino, para checar as partes internas e a cola, que detectariam possíveis restaurações posteriores ao naufrágio e diminuíram seu valor histórico e econômico.

Devolução
Depois de ser localizado, o violino foi devolvido à noiva/viúva de Wallace Hartley, que o conservou até a morte, em 1939, quando foi entregue ao Exército da Salvação, que o presenteou a um professor de violino e em cuja família o instrumento se encontrava há mais de 70 anos.

Leilão/R$ 3,1 milhões
violino foi leiloado recentemente por 900 mil libras (R$ 3,1 milhões), após apenas dez minutos de leilão na Grã-Bretanha.

Com informações do portal BBC.com