Cotidiano

Morre idoso que “ressuscitou” durante preparação para velório

Da Redação ·
O idoso morreu cinco dias após o episódio da sua falsa morte. (Foto: Maria Alves de Saraiva/Arquivo Pessoal)
O idoso morreu cinco dias após o episódio da sua falsa morte. (Foto: Maria Alves de Saraiva/Arquivo Pessoal)

Morreu na noite de terça-feira (27) o homem de 68 anos que foi dado como morto e “ressuscitou” enquanto tinha seu corpo preparado para o velório. Milton Alves dos Santos estava internado no Hospital Santa Casa de Londrina e foi a óbito por volta das 22 horas.

continua após publicidade

Desde que retornou ao hospital, o idoso era mantido na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) com um quadro grave de hipotermia. O corpo de Santos foi encaminhado ao Instituto Médico Legal de Londrina (IML) que irá apontar as causas da sua morte. O IML deve ainda tentar descobrir o que pode ter acontecido com o senhor há cinco dias, quando ele voltou a respirar após ser diagnosticado sem vida.

O CASO
O idoso foi dado como morto na última quinta-feira (22) no Hospital Zona Norte em Londrina. Ele foi encaminhado à Administração de Cemitérios e Serviços Funerários de Londrina, para preparação do corpo para o velório, quando a responsável pelo serviço notou que o senhor estava respirando. Ele foi transferido ao Hospital Santa Casa onde permaneceu até seu falecimento.

continua após publicidade

(Com informações - G1)