Cotidiano

UEL e UEM estão entre as melhores universidades da América Latina

Da Redação ·
1ª Fase do vestibular será mantida neste domingo. Foto: Divulgação
1ª Fase do vestibular será mantida neste domingo. Foto: Divulgação

As Universidades Estaduais de Maringá e de Londrina estão na 36ª e 40ª colocação no ranking das melhores universidades latino-americanas, de acordo com o ranking divulgado pela revista The Times Higher Educacion (Inglaterra), responsável pelo World University Ranking. Entre as universidades brasileiras, a UEL ocupa a 19ª colocação e a UEM a 20ª. As duas estão entre as 5 melhores estaduais do Brasil no ranking.

continua após publicidade

O levantamento avalia as principais universidades mundiais e da América Latina, com base nas informações coletadas diretamente nas instituições e nas bases de dados das principais revistas científicas do mundo.

Na América Latina, a UEL atingiu a maior pontuação no quesito ensino, com 50,1 pontos, numa faixa de 0 a 100. Nos outros quesitos, obteve 32,7 em investimento privado, 31,6 em pesquisa, 24,9 em internacionalização e 17,0 em citação. A UEM atingiu a pontuação 43,5 no quesito pesquisa (na faixa de 0 a 100), o melhor indicador. Em seguida, pela ordem, obteve 33,3 no investimento privado, 32,2 no ensino, 20,9 na internacionalização e 11,8 na citação.

continua após publicidade

“A boa avaliação das nossas universidades, em mais este ranking, é reflexo do bom trabalho que é desenvolvido nas instituições em inovação, pesquisa e ensino”, destacou o secretário de Estado da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, João Carlos Gomes.

Para elaborar o ranking, a revista leva em consideração os indicadores ensino, internacionalização, investimento privado (dinheiro da iniciativa privada alocado na universidade por meio de convênios, por exemplo), pesquisa e citação.

Sobre o posicionamento na América Latina, o Word University Ranking relaciona cada universidade, individualmente, até a 35ª posição. Depois disso, as instituições pesquisadas são citadas por faixas de colocação.

continua após publicidade

No levantamento divulgado pela Times Higher Education, aparecem 23 universidades do Brasil no ranking da América Latina. A Universidade de São Paulo (USP) ficou em primeiro lugar, seguida da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp). A Universidade Federal do Paraná (UFPR) e a Pontifícia Universidade Católica do Paraná (PUCPR) estão na posição 31-35.

A revista também divulgou o levantamento sobre as melhores universidades do mundo, no qual a UEL e a UEM ocupam a posição 801+. Para o ranking mundial, 980 universidades conseguiram pontuação suficiente para serem relacionadas no levantamento que representa cerca de 5% das universidades do mundo.

A Universidade de São Paulo (USP) foi a melhor instituição brasileira avaliada no mundo, ocupando a faixa de 251ª a 300ª, seguida pela Universidade Estadual de Campinas (Unicamp), que está entre a 401ª e a 500ª colocação.

O ranking latino-americano está disponível no endereço www.timeshighereducation.com/world-university-rankings/