Cotidiano

Homem é condenado a 100 anos de prisão após ser flagrado jogando enteada de 3 anos em piscina

Da Redação ·
Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

Um homem que acabou flagrado quando atirava sua enteada de três anos na piscina de um hotel de forma recorrente até que ela morresse foi condenado a 100 anos de prisão, na cidade de Morelia, no estado de Michoacan, no México. A informação foi confirmada nesta semana por autoridades mexicanas. 

continua após publicidade

As imagens registradas pelo circuito interno de câmeras do estabelecimento mostram o assassino, identificado apenas como Jose David N., repetidamente jogando a criança na água. 

A menina, que não sabia nadar, luta para se manter respirando enquanto o padrasto apenas a vê se afogar. A mãe da criança dormia no quarto do hotel no momento do crime. 

continua após publicidade

Em imagens divulgadas por uma emissora de TV americana antes do anúncio de condenação de Jose, é possível ver o assassino em ação. Antes das imagens do circuito interno virem à tona, o padrasto da menina alegou estar surpreso com seu afogamento. 

Mas com o surgimento das filmagens, sua defesa foi derrubada, dando lugar à condenação sem possibilidade de liberdade condicional. Um dos três juízes responsáveis pela condenação detalhou que a criança foi puxada pelos cabelos e segurada embaixo d'água, impossibilitando que ela respirasse.

Com informações do portal extra.globo.com