Cotidiano

Símbolos terroristas são vendidos livremente em Berlim

Da Redação ·
Foto: Emrah Gure/AP
Foto: Emrah Gure/AP

A imigração em massa de muçulmanos faz o Islã ganhar terreno na Alemanha e uma loja em Berlim está vendendo livremente joias com emblemas do Daesh (Estado Islâmico). "Eles imitam a bandeira do Daesh nos seus produtos" disse o especialista em Islã Abdel Hakim Ourghi ao portal Sputinik.  Uma dessas lojas fica na rua Flughafenstrasse, no bairro de Neukolln (Berlim). No local se pode comprar um anel preto com a imagem do Daesh. 

continua após publicidade

A loja fica perto de uma mesquita, o que é perigoso devido às tentativas de recrutamento de jovens muçulmanos que já estão integrados na sociedade alemã, conforme avaliação de autoridades locais.   O analista Abdel Hakim Ourghi frisa que a loja vende nicabes (um véu que cobre o rosto e só revela os olhos) para crianças de dois anos e, além disso, bonecas vestidas com nicabes.  

"Isso não seria uma manipulação política das crianças para concorrer com os valores ocidentais? (…) Não estaremos assistindo à criação de uma sociedade paralela?", questiona Ourghi.    Muitos analistas já advertiram sobre a islamização na Alemanha. Há muitas pessoas que consideram o Islã como uma ameaça para a sociedade alemã e acreditam que isso é incompatível com os padrões da sociedade ocidental. Analistas estimam que a radicalização na Alemanha cresce em decorrência da propaganda ostensiva do Daesh nas redes sociais.