Cotidiano

Jovem é executado três dias após assassinato da irmã, no Paraná

Da Redação ·
Polícia encontrou 25 cartuchos deflagrados no local do crime. Foto: Flávia Barros
Polícia encontrou 25 cartuchos deflagrados no local do crime. Foto: Flávia Barros

Um jovem de 23 anos foi assassinado com 15 tiros na tarde desta quinta-feira (8), três dias após a morte da irmã, no Paraná.Segundo a polícia, a vítima estava escondida em uma casa em Araucária, na Região Metropolitana de Curitiba, pois sabia que estava marcada para morrer. Ezequiel de Oliveira era irmão de Elaine Bugai, conhecida como Pioca. Ela foi assassinada na segunda-feira (5).  

continua após publicidade

A polícia não descarta a hipótese de execução, em ambos os homicídios. Conforme informações do portal Banda B, testemunhas disseram que quatro homens chegaram na casa em Araucária, sendo que dois ficaram no veículo e outros dois saíram atirando. Oliveira ainda tentou, mas foi atingido por vários tiros e morreu.  

Ainda de acordo com o portal Banda B, foram disparados ao menos 25 tiros, sendo que cerca de 15 acertaram a vítima. Já a irmã de Ezequiel foi executada com um tiro de pistola na cabeça dentro de casa na noite de segunda-feira (5). O crime aconteceu na Rua Rio do Sul, bairro Campo Comprido, em Curitiba. Ela tinha passagens pela polícia por tráfico de drogas.