Cotidiano

Bombeira faz ensaio sensual e pode ser presa por oito dias

Da Redação ·
Lilian poderá recorrer da decisão, no entanto, deverá responder processo disciplinar. Foto: Reprodução
Lilian poderá recorrer da decisão, no entanto, deverá responder processo disciplinar. Foto: Reprodução

Uma mulher de 32 anos pode ser presa por oito dias por ter feito um ensaio sensual, em Curitiba, no Paraná. Lilian Villas Boas é soldado do Corpo de Bombeiros e, segundo as normas da polícia militar, a conduta está em desacordo com as normas disciplinares da corporação. 

continua após publicidade

Bombeira faz ensaio sensual e pode ser presa por oito dias fonte: Reprodução

O ensaio fotográfico faz parte do Projeto Velvet,  do fotógrafo Arnaldo Belotto, e foram feitas em abril. O ensaio tem como objetivo retratar a liberdade da mulher. Nas fotos, a bombeira aparecia com parte dos seios à mostra, As imagens foram feitas após a militar saber que uma amiga havia feito o ensaio e gostar da proposta do trabalho que mostra a liberdade feminina e não tem fins lucrativos.

continua após publicidade

A denúncia teria sido feita por uma delegada do Rio de Janeiro. Lilian poderá recorrer da decisão, no entanto deverá responder a um processo disciplinar.

PRISÃO - A prisão foi determinada pelo comando do 7º Grupamento do Corpo de Bombeiros do Paraná. As imagens foram exibidas no site do fotógrafo que realizou o trabalho. Na época, a bombeira respondeu a processo disciplinar. 

Bombeira faz ensaio sensual e pode ser presa por oito dias fonte: Reprodução

Conforme a nota de punição, a bombeira infringiu artigos do Regulamento de Ética da Polícia Militar, o Regime Disciplinar do Exército e o Código da PM. Segundo a punição, ela transgrediu incisos do regulamento da PM que falam em “nunca denegrir ou desgastar sua imagem”.