Cotidiano

Jovem que perdeu bebê após levar tiro na cabeça continua em estado grave

Da Redação ·
Thaysa Vilas Boas estava no sétimo mês de gestação quando o crime aconteceu. Foto: Arquivo pessoal
Thaysa Vilas Boas estava no sétimo mês de gestação quando o crime aconteceu. Foto: Arquivo pessoal

A jovem de 22 anos que levou um tiro na cabeça continua em estado grave, em Tapejara, (perto de Cianorte) no Paraná. Ela está na Unidade de Terapia Intensiva, do Hospital Norospar, em Umuarama. Segundo boletim médico, ela respira por aparelhos e todos os recursos disponíveis já foram adotados.

continua após publicidade

Thaysa Vilas Boas estava no sétimo mês de gestação quando o crime aconteceu. O principal suspeito seria o ex-namorado da vítima que não teria aceitado a separação.  

O caso ocorreu na tarde no dia 11 de julho.Thaysa foi levada em estado crítico para o hospital logo depois de ser atendida em uma unidade de saúde de Tapejara. Os médicos fizeram um parto de emergência e retiraram o bebê, uma menina. A criança morreu três dias depois na UTI Neonatal do hospital.