Cotidiano

Bebê de 11 meses é "esquecido" e trancado sozinho em pré-escola de Curitiba

Da Redação ·
Pai fez postagem na rede social Facebook sobre o filho bebê deixado trancado sozinho em pré-escola - Foto Reprodução - Facebook)
Pai fez postagem na rede social Facebook sobre o filho bebê deixado trancado sozinho em pré-escola - Foto Reprodução - Facebook)

Um menina de 11 meses foi "esquecida" e trancada sozinha, no final da tarde de ontem (20), no interior de uma pré escola no bairro Bacacheri, em Curitiba. O pai e a mãe do bebê passaram por momentos aflição até apurar o que havia ocorrido com a filha. Eles reiteram que os responsáveis pela instituição de ensino deixaram a criancinha no local sem ninguém junto.  A família registrou um Boletim de Ocorrência (BO) na Polícia Civil relativo à situação de suposto abandono de incapaz.  O departamento jurídico da escola reconheceu o “esquecimento”, lamentou o fato  e assegurou que os funcionários envolvidos no caso já foram afastados.

continua após publicidade

O pai da menina detalhou que foi junto com a esposa buscar filha às 18h10. O casal acionou o interfone e aguardou, mas ninguém atendeu. No muro da escola há um buraco e o pai da menininha se abaixou e conseguiu enxergar o interior da escola, mas ficou mais preocupado ainda, porque estava tudo apagado. 

Naquele momento, a mãe bebê começou a chorar, supondo que algo grave poderia ter acontecido. O casal então telefonou para o 190 da Polícia Militar e tentou contato com escola através da página da instituição de ensino no Facebook. O casal conseguiu falar com a proprietária do estabelecimento, que pediu calma e afirmou que a coordenadora estava se dirigindo à escola para checar o que havia ocorrido.

continua após publicidade

Após 30 minutos, a coordenadora chegou e os pais tiveram ficaram mais tranquilos depois localização da criança, que estava sozinha, Ao mesmo tempo, o casal ficou ainda revoltado com a situação, pois o bebê estava no fundo do berçário dormindo no carrinho. Eles avaliam que se não conseguissem contato pelo Facebook com a direção da pré-escola, a garotinha poderia até ter morrido. Pai e mãe foram na noite de terça-feira (19) até o Centro de Atendimento Integrado ao Cidadão, o Ciac-Sul, onde registraram um Boletim de Ocorrência (BO). 

ABANDONO DE INCAPAZ
O número do BO é 2016/ 746815 e o mesmo foi registrado com a natureza de "abandono de incapaz".  O casal pede punição para os responsáveis pelo "esquecimento" do bebê. O caso está sob a responsabilidade do 5° Distrito Policial (DP) de Curitiba, que analisa a situação para definir se o inquérito continuará no distrito de área ou se será encaminhado ao Núcleo de Proteção à Criança e ao Adolescente Vítimas de Crimes (Nucria).

VERSÃO DA PRÉ-ESCOLA
O advogado da pré-escola relatou que a direção da instituição está checando os fatos e já adotou os todos procedimentos necessários. “Os responsáveis pela situação foram afastados e a escola está tomando todas as medidas cautelares necessárias para manter as suas atividades. Na parte da tarde emitiremos uma nota oficial. A instituição lamenta o que aconteceu por se tratar de um fato isolado, em uma escola que funciona há anos na Capital”, ressaltou o advogado.