Cotidiano

PF desarticula esquema de contrabando de cigarros comandado por  médico e advogado

Da Redação ·
Bandidos usavam rios do Paraná para escoamento das cargas contrabandeadas Foto - Divulgação/PF)
Bandidos usavam rios do Paraná para escoamento das cargas contrabandeadas Foto - Divulgação/PF)

A Polícia Federal deflagrou na manhã desta terça-feira (12) 38 mandados judiciais, sendo 21 de prisão preventiva e 17 de busca e apreensão. A ação faz parte da Operação Pleura, que visa desarticular um esquema criminoso de cigarros contrabandeados.

continua após publicidade

Os mandados estão sendo cumpridos nos Estados do Paraná (Loanda, Querência do Norte e Capanema), São Paulo (Tupã) e Mato Grosso do Sul (Naviraí). O grupo usaria rotas fluviais dos Rios Paraná e Ivaí, para o repasse das cargas vindas de Salto del Guairá no Paraguai.

Dois irmãos estão sendo investigados como os ‘’cabeças’’ do esquema. Moradores de Loanda/PR, um deles é médico e outro advogado. Uma família também é alvo da operação. Ela também é suspeita de participar ativamente do contrabando e repasse para diversas cidades da região.