Cotidiano

Operação desarticula quadrilha de traficantes e apreende 817 kg de maconha

Da Redação ·
 Oito pessoas foram presas, incluindo o chefe do grupo de criminoso. Foto: Polícia Civil
Oito pessoas foram presas, incluindo o chefe do grupo de criminoso. Foto: Polícia Civil

A Polícia Civil de Toledo deflagrou nesta sexta-feira (08/07) a Operação Prometeu e desarticulou uma quadrilha de traficantes que atuava na região. Oito pessoas foram presas, incluindo o chefe do grupo de criminoso, Luis Felipe Estigarribia, que estava em Ponta Porã (MT) e com quem foram apreendidos 817 kg de maconha. Em sete mandados de busca e apreensão foram encontradas armas, dinheiro e 650 gramas de cocaína.

continua após publicidade

A investigação começou há seis meses e apontou a atuação da quadrilha no tráfico de drogas em Toledo e Cascavel, além de participações em roubo de carros. Durante o trabalho da polícia, outras 14 pessoas já haviam sido presas e 32 quilos de cocaína tinham sido apreendidos.

“Era uma quadrilha de alta periculosidade, especialmente na região da fronteira. De Mato Grosso, o líder abastecia região de Toledo e Cascavel. Ele esteve várias vezes na cidade para fazer a negociação da droga, mas nunca portava nada ilícito. Depois dessa longa investigação, conseguimos efetuar a prisão e com essa expressiva quantidade de drogas”, explicou o delegado-chefe da 20ª Subdivisão Policial de Toledo, Donizete Botelho. A prisão realizada no Mato Grosso contou com a parceria da Polícia Federal. 

continua após publicidade

Também foi autorizada pela Justiça o sequestro de bens, como carros e moto, e o bloqueio de valores de contas bancárias de três dos envolvidos, incluindo o chefe da quadrilha.