Cotidiano

Homem feito de refém mata seus sequestradores com o revólver dos bandidos

Da Redação ·
(Foto: Divulgação/Polícia Civil)
(Foto: Divulgação/Polícia Civil)

Na último sexta-feira (27/05), Alex Galvão Otto apresentou-se à delegacia do município de Quatro Barras, região metropolitana de Curitiba, e confessou o assassinato, a mão armada, de quatro homens. Segundo relatório divulgado ontem pela Polícia Civil, o crime aconteceu no dia 08/05. 

continua após publicidade

Os homens que Otto baleou tinham retirado-o de sua casa e pretendiam matá-lo. Aparentemente, os homens eram traficantes de drogas e Otto seria um traficante rival. Edilson Farias, mais conhecido como “Japa”, 28 anos, David Willian, 18 anos, Jhony de Camargo Ambrosio, 27 anos, Josnei Machado, 33 anos, Maicon André Alves de Avelar Maciel, 28 anos, teriam reunido-se em churrasco, antes de irem até a casa de Otto, no bairro Planta Deodora, município de Piraquara, tambem da região metropolitana de Curitiba.

Armados, "Japa" e Ambrosio, teriam abordado Otto e levado-o até um Gol branco, onde estavam os outros homens. Eles pretendiam levá-lo para Quatro Barras, para matá-lo. No caminho, a arma de um dos homens caiu próxima ao pé de Otto. Nesse momento, ele pegou a arma e disparou contra os sequestradores, fugindo em seguida. Todos os homens foram atingidos, sendo que somente David Willian sobreviveu.

continua após publicidade

Depois de algumas investigações, a Polícia Civil identificou Otto como autor do crime. Sabendo que era procurado, ele apresentou-se a delegacia e confessou o crime. O inquérito policial deve ser concluído e o caso encaminhado para o judiciário.