Cotidiano

​8 coisas que você provavelmente não sabia sobre dentes-de-leão

Da Redação ·
Foto: Holly Caruk/CBC
Foto: Holly Caruk/CBC

Alguns fatos sobre dentes-de-leão:

continua após publicidade

1- Eles não são nativos da América: Os europeus trouxeram-nos junto com várias outras plantas.

2- Os nome francês deles significa 'mijar na cama': A palavra francesa para dente-de-leão é pissenlit, a qual pode ser traduzida como 'mijar na cama'. As referidas plantas podem ser usadas de fato como diuréticos, com potência semelhante a alguns produtos comerciais.

continua após publicidade

3- Eles são cheios de vitaminas: As folhas, as flores e as raízes são comestíveis. Um copo de 'suco de dente-de-leão' lhe forneceria o equivalente a 112% da porção diária recomendada de vitamina A, e 535% da de vitamina K, bem como outros nutrientes, tais como cálcio, ferro, e magnésio.

4- Você pode estar comendo dentes-de-leão e não sabe: Algumas saladas comercializadas possuem dentes-de-leão misturados nestas.

5-  A origem do nome: Antigamente acreditava-se que as folhas se assemelhavam à boca de um leão.

continua após publicidade

6- Dentes-de-leão são odiados por serem muito resistentes: Mesmo cortando todas as plantas, a quantidade absurda de sementes produzidas por estas permite que elas continuem se reproduzindo por longos períodos de tempo. 

7- Você pode matar dentes-de-leão sozinho: Existem alguns métodos simples para se livrar de um possível incômodo no quintal: jogar água quente, jogar vinagre concentrado. Uma outra estratégia a longo prazo seria utilizar amido de milho, o qual não mata os intrusos, mas dificulta seu desenvolvimento e reprodução.

8- Existem várias superstições envolvendo eles: A mais famosa com certeza é a de que um desejo é realizado se um dente de leão for soprado após o pedido.