Cotidiano

Polícia prende mãe e filho suspeitos de incendiarem residências no Paraná

Da Redação ·
Incêndio registrado no último dia 05 de maio e Guarapuava - Foto: WebPortal Kleber Fernandes
Incêndio registrado no último dia 05 de maio e Guarapuava - Foto: WebPortal Kleber Fernandes

A polícia do Paraná confirmou neste domingo (8) que uma mulher de 36 anos e o filho dela de 20 foram presos preventivamente em Guarapuava, na região central do Estado, sob suspeição de envolvimento em incêndios supostamente criminosos no Núcleo Adão Kaminski, no bairro Morro Alto.

As prisões foram consumadas no sábado (7) e não têm prazo para expirar.A mulher e o filho acabaram flagrados pela polícia quando trafegavam com um veículo por via pública do Núcleo. Os policiais localizaram no carro quatro galões vazios com odor de combustível.

TRÊS CASAS E CARRO QUEIMADOS
Três casas do bairro e um automóvel foram incendiados no Núcleo Adão Kaminski nos últimos cinco dias e ainda foi registrado o assassinato de um homem de 29 anos.

continua após publicidade