Cotidiano

PM desocupa fazenda invadida pelo MST no Paraná

Da Redação ·
Cerca de 80 pessoas estavam no imóvel rural e a desocupação ocorreu de forma pacífica - Foto: Divulgação
fonte: Eliandro Piva
Cerca de 80 pessoas estavam no imóvel rural e a desocupação ocorreu de forma pacífica - Foto: Divulgação

A Polícia Militar (PM) do Paraná confirmou nesta segunda-feira (2) que um mandado de reintegração de posse já foi cumprido para retirar integrantes do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST) que invadiram uma fazenda na localidade de Rio Verde, entre os municípios de Marmeleiro e Flor da Serra do Sul, na região do sudoeste do Estado.

Conforme a PM, um dos líderes do movimento relatou que cerca de 80 pessoas estavam no imóvel rural. A desocupação ocorreu de forma pacífica.Os proprietários da fazenda entraram com pedido de reintegração de posse ainda no final de semana.

PINOS E EUCALIPTOS

A fazenda tem plantio de pinus e eucaliptos. Policiais militares de Francisco Beltrão, Marmeleiro, Flor da Serra do Sul e o Grupo Tático de Cascavel cumpriram o mandado de reintegração de posse da fazenda.

CONFRONTO E MORTES

Dois integrantes do Movimento dos Trabalhadores Sem-Terra morreram após entrarem em confronto com a Polícia Ambiental, na tarde de 7 de abril, em um assentamento, na área da Araupel, em Quedas do Iguaçu, no oeste do Paraná. Conforme informações da polícia, outros seis membros do movimento ficaram feridos. Após o episódio, o MST já realizou vários atos de protesto no Paraná.

continua após publicidade