Cotidiano

Comoção toma conta de redes sociais após morte de rapaz em briga por pipa  

Da Redação ·
Morte de Rafinha  gerou clima de consternação em Pinhais, na região de Curitiba -  (Foto: Djalma Malaquias – Banda B)
Morte de Rafinha gerou clima de consternação em Pinhais, na região de Curitiba - (Foto: Djalma Malaquias – Banda B)

O assassinato do pedreiro Jefferson Rafael Kinsler, o Rafinha, de 28 anos, ocorrida no final de semana no bairro Maria Antonieta, em Pinhais, na região metropolitana de Curitiba, gerou grande comoção popular na redes sociais. Rafinha foi morto a tiros após uma discussão após corte da linha de uma pipa, na Rua Antônio Andrade.Várias mensagens de luto de amigos e familiares indignados com o homicídio foram postadas no twitter e no facebook. Rafinha deixa um filho ainda criança. 

Segundo relato da Polícia Militar (PM) ao site Banda B, testemunhas afirmaram que Rafinha foi tirar satisfações sobre o motivo que levou o agressor a cortar o fio da pipa. Na sequência, ambos trocaram socos antes do autor do assassinato ir buscar uma arma e matar Rafinha com dois tiros. Testemunhas acrescentaram que o autor do crime fugiu com uma motocicleta. 

continua após publicidade

BANALIZAÇÃO DA VIOLÊNCIA
Amigos e familiares falam com carinho sobre Rafinha, lamentando a morte dele por um motivo tão banal, de acordo com informações do site Banda B. Ele era casado e pai de um menino de seis anos.

Leia abaixo o relato de um amigo da vítima:

Infelizmente
Jogar futebol não vai ser mais o mesmo sem vc.
Jogar aquele truco não vai ser mais o mesmo
Assistir Corinthians X São Paulo não vai ser mais o mesmo
Viver não vai ser o mesmo sem vc meu amigo.
Descanse em paz Rafinha