Cotidiano

Menor é morto por aluno com golpe de caneta no pescoço dentro de colégio

Da Redação ·
Interessados deve ser docente efetivo da rede municipal  - Foto: TNONLINE - imagem ilustrativa
Interessados deve ser docente efetivo da rede municipal - Foto: TNONLINE - imagem ilustrativa

Um menino de 15 anos assassinou, na noite de quarta-feira (30), um estudantes de 17 anos no interior de um colégio estadual no município de Pinhalão, na região do Norte Pioneiro do Paraná. O garoto morreu após ser ferido com um golpe de caneta no pescoço.

Conforme a Polícia Militar de Pinhalão, o homicídio teria sido motivado por "fútil" disputa por uma carteira escolar. De acordo com informações da PM, a namorada da vítima sentou em uma carteira na sala de aula e o autor do homicídio afirmou que a mesma era dele desde o começo do ano. Após discussão, o adolescente de 17 anos saiu do local e menina permaneceu sentada na carteira.

Em seguida, a vítima de assassinato ficou sabendo do ocorrido pela namorada e foi tirar satisfação com adolescente de 15 anos durante a aula de Educação Física. Os dois trocaram pontapés e socos e na sequência o autor do ato infracional usou uma caneta para golpear o pescoço do rapaz de 17 anos.

Uma médica constatou que a vítima sofreu perfuração na traqueia, provocando a entrada de sangue nos pulmões e consequente morte por asfixia.  O autor do assassinato acabou apreendido e o caso foi relatado ao Conselho Tutelar dos Direitos da Criança e do Adolescente e à Promotoria da Infância e Juventude.

continua após publicidade