Cotidiano

Gaeco prende dez pessoas ligadas ao tráfico e explosões de caixas eletrônicos

Da Redação ·
Suspeitos foram levados à sede do Gaeco, no Bacacheir (Foto: Djalma Malaquias – Banda B)
Suspeitos foram levados à sede do Gaeco, no Bacacheir (Foto: Djalma Malaquias – Banda B)

Uma operação realizada nesta segunda-feira (7) pela manhã, pelo Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco) do Ministério Público do Paraná (MPPR), com apoio de 150 policiais militares, resultou na prisão de dez homens. Dois policiais civis estariam envolvidos com a facção criminosa, mas o Gaeco ainda não confirmou essa informação.

continua após publicidade

Conforme o MP, foram onze mandados de prisão cumpridos em Curitiba, São José dos Pinhais e Campo Largo e ainda há mais um a ser cumprido. Os detidos estão envolvidos com o tráfico de drogas, roubo de carros e explosões de caixas eletrônicos. Os promotores do Gaeco ainda vão conceder entrevista sobre a o resultado da operação.

PRISÃO DE POLICIAIS - O Gaeco confirmou que policiais civis e militares estão entre os presos durante operação contra crimes de corrupção, tráfico de drogas, roubos de veículos e comércio e posse de armas, deflagrada na manhã desta segunda-feira em Curitiba e Região Metropolitana. Pelo menos três policiais já foram detidos.

Foram expedidos 11 mandados de prisão, 25 de busca e apreensão e 12 de condução coercitiva, quando a pessoa é obrigada a prestar depoimento. A operação foi denominada de "Hurt Locker".

continua após publicidade

Com informações da Banda B