Governo do Paraná amplia estrutura hospitalar contra a Covid-19 - TNOnline
Mais lidas
Ver todos

Coronavírus

Governo do Paraná amplia estrutura hospitalar contra a Covid-19

Foto por
Escrito por Agência de notícias do Paraná
Publicado em Editado em
Associe sua marca ao jornalismo sério e de credibilidade, .

O governador Carlos Massa Ratinho Junior anunciou a ampliação da rede pública de atendimento hospitalar contra o novo coronavírus. Até esta quinta-feira (09/04), o Governo do Estado contratou 419 novos leitos adultos de UTI em todas as regiões, incluindo áreas dos hospitais universitários de Londrina, Maringá, Cascavel e Ponta Grossa.

Nas próximas semanas a estrutura hospitalar de urgência vai aumentar, com a incorporação de 80 novos leitos de UTI em três hospitais regionais que tiveram o processo de finalização acelerado para atender exclusivamente pacientes da Covid-19. As unidades ficam em Ivaiporã (Vale do Ivaí), Guarapuava (Centro) e Telêmaco Borba (Campos Gerais).

Segundo o governador Ratinho Junior, o Estado tem capacidade orçamentária para contratar mais 629 novos leitos adultos de UTI em toda a rede hospitalar para uso de pacientes do SUS que necessitem tratamento para a Covid-19. Como isso, o Paraná poderá alcançar 1.128 novos leitos adultos de UTI para atendimento emergencial e exclusivo contra a pandemia. Essas ativações significam estruturas completamente novas ou uso, por parte do Estado, de leitos já existentes em hospitais públicos, privados e filantrópicos.

Ratinho Junior fez o anúncio em uma coletiva de imprensa no Hospital do Rocio, em Campo Largo, um dos maiores da América Latina, pouco depois de visitar as alas (52 UTIs e 212 enfermarias) disponibilizados para o Governo do Estado para receber pacientes do SUS que necessitam de tratamento para infecção do novo coronavírus.

MARATONA - “Criamos uma rede de atendimento e de combate ao coronavírus em todo o Estado. Estamos estruturando esses locais. Teremos três hospitais regionais nos próximos 30 ou 45 dias, com equipes trabalhando 24 horas por dia, além dos hospitais universitários, onde ampliamos o número de leitos de UTI para fazer esse enfrentamento”, afirmou. “Essa luta não é uma corrida de 100 metros, mas uma maratona. E vamos vencer ela juntos”.

O secretário estadual de Saúde, Beto Preto, acrescentou que a programação original era de contratar 317 novos leitos de maneira imediata, mas o número foi ampliado para 419 em razão da disponibilidade oferecida pela rede hospitalar estadual, pública e privada.

Ele explica que o Estado vai ampliar serviços onde eles já existem, colocando à disposição da sociedade a formação técnica dos médicos, fisioterapeutas e enfermeiros. “Estamos avaliando as situações dia a dia”, ponderou. “A estratégia é colocar sete estruturas em obras ou quase finalizadas para atender aos paranaenses. São quatro hospitais universitários e três hospitais regionais. Essa é uma rede exclusiva para atendimento ao coronavírus no Paraná”.

NOVAS ENFERMARIAS – Além dos leitos de UTI para adultos, a Secretaria de Estado da Saúde já ativou 1.108 enfermarias e 20 UTIs pediátricas nos hospitais privados e nos universitários e pode alcançar mais 1.382 enfermarias e 45 UTIs pediátricas, podendo ultrapassar 2.500 novas enfermarias para os pacientes com reações mais moderadas.

REGIONAIS – Os novos hospitais regionais estão localizados em Ivaiporã (Vale do Ivaí), Guarapuava (Centro) e Telêmaco Borba (Campos Gerais). Uma força-tarefa do Governo do Estado ajuda a equipar e preparar as estruturas para atendimento especializado contra a Covid-19 no Paraná. Serão, na primeira fase, 80 leitos adultos de UTI e 120 enfermarias.

UNIVERSITÁRIOS - O Governo do Estado contratou 66 novos leitos adultos de UTI, duas UTIs pediátricas e 146 enfermarias nos hospitais universitários de Londrina, Maringá, Cascavel e Ponta Grossa. Num segundo momento, poderão ser mais 70 leitos adultos de UTI, 14 UTIs pediátricas e 176 enfermarias.

A contratação imediata para o Hospital Universitário da UEPG (HU-UEPG), em Ponta Grossa, foi de 10 novos leitos de UTI e 20 novas enfermarias, com possibilidade de ampliar para 20 novas UTIs e 40 enfermarias. Essas estruturas já estão sendo preparadas para os casos moderados e os mais graves no terceiro andar do hospital, que foi isolado para atender pacientes com a Covid-19. Para viabilizar a montagem das UTIs, a maternidade do HU-UEPG será transferida para o Hospital Municipal da Criança João Vargas de Oliveira.

A estruturação do HU-UEPG para enfrentamento do novo coronavírus também conta com uma tenda de triagem na área externa, onde os profissionais fazem o primeiro atendimento e identificam o estado de saúde do paciente. O hospital atende paranaenses provenientes de doze municípios dos Campos Gerais.

NORTE - Para o Hospital Universitário da UEL (HU-UEL), em Londrina, nessa primeira etapa serão 36 novos leitos de UTI e 76 novas enfermarias. Esse número pode chegar a 34 novas UTIs e 66 novas enfermarias. Ao todo, poderão ser 212 novos leitos de atendimento se a capacidade máxima planejada for atingida.

Será utilizado o prédio de cinco mil metros quadrados da nova maternidade, que já está praticamente concluído, e parte do novo Pronto Socorro - duas obras que contaram com investimento do Governo do Estado. O HU-UEL tem 297 leitos e atende cerca de 90 municípios.

A Universidade Estadual de Maringá (UEM) finaliza as mudanças necessárias para a ativação da clínica para adultos do seu Hospital Universitário (HUM). A nova ala com mais de oito mil metros quadrados tem capacidade para até 108 novos leitos hospitalares exclusivos para combater os problemas respiratórios ocasionados pelo novo coronavírus - 20 de UTI e 88 de retaguarda. A divisão atual é de 10 ativações de UTI e 30 de enfermarias imediatas, com possibilidade de abrir mais 10 UTIs e 58 enfermarias.

A Secretaria de Estado da Saúde já repassou ao HUM dez ventiladores e monitores e, através do Ministério da Saúde, mais dez ventiladores e monitores, dez camas elétricas, dez aparelhos de bombas de infusão, um cardioversor, eletrocardiograma e um carrinho de emergência. O HUM atende a população da macrorregião Noroeste do Paraná, com 115 municípios, onde residem mais de dois milhões de habitantes.

O hospital também já desenvolveu um Plano de Contingência para o enfrentamento da Covid-19. Foi criado um Pronto Atendimento Respiratório (PA), onde ocorre a separação com os demais pacientes. Para a internação de pacientes graves, o HUM também criou a Unidade COVID19, com quatro leitos de UTI para os pacientes críticos.

OESTE - Por fim, o Hospital Universitário da Universidade do Oeste do Paraná (Huop), em Cascavel, recebeu ativação imediata de 10 novos leitos de UTI e 20 novas enfermarias, mas a Secretaria da Saúde trabalha com planejamento para aumentar a capacidade para mais 20 leitos de UTI e 12 novas enfermarias.

O hospital é referência no atendimento em alta complexidade e recebe pacientes de toda região, contemplando outros dois milhões de habitantes. São 238 leitos de internamento. O atendimento é exclusivo para pacientes do SUS.

BOX

Entenda os números

- Capacidade já instalada:

UTIs no Estado: 3.603 (público e privado)

UTIs adultos: 2.258 (público e privado)

- Novos leitos ativados (coronavírus):

419 UTIs e 1.108 enfermarias

- Capacidade de contratação (coronavírus):

1.128 UTIs e 2.610 enfermarias

- Leitos em Hospitais Universitários (ativações imediatas)

UEPG – 10 UTIs e 20 enfermarias

UEL - 36 UTIs e 76 enfermarias

UEM - 10 UTIs e 30 enfermarias

Unioeste – 10 UTIs e 20 enfermarias

- Leitos em hospitais regionais (entre 30 e 45 dias)

Guarapuava, Ivaiporã e Telêmaco Borba - 80 UTIs e 120 enfermarias

Deixe seu comentário sobre: "Governo do Paraná amplia estrutura hospitalar contra a Covid-19"

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Todos os candidatos

Não encontramos candidatos com o filtro selecionado.

Mais Notícias