Arapongas

Sem pagamento, trabalhadores da Prodasa podem voltar com a greve

Da Redação ·
Imagem ilustrativa da notícia Sem pagamento, trabalhadores da Prodasa podem voltar com a greve
fonte: Da redação
Sem pagamento, trabalhadores da Prodasa podem voltar com a greve

Na manhã desta quarta-feira (20), trabalhadores da Prodasa de Arapongas se concentraram na frente da empresa e realizam assembleia com o sindicato da categoria. Segundo eles, o acordo firmado para encerrar a greve que durou mais de um mês, não foi cumprido. 

continua após publicidade

"O acordo feito com a empresa no Ministério Público do Trabalho, previu pagamento do salário de dezembro na última segunda-feira (18), o que não aconteceu. Então os trabalhadores decidem agora pela manhã se retornam com a greve", informa o  Sindicato dos Trabalhadores na Indústria da Alimentação de Arapongas (STIAAR).

Em assembleia realizada na noite desta sexta-feira (15), os trabalhadores da Prodasa decidiram encerrar greve e voltariam ao trabalho na segunda-feira.

continua após publicidade

A proposta foi feita durante audiência intermediada pela Justiça do Trabalho através de videoconferência. Segundo o presidente do Sindicato dos Trabalhadores na Indústria da Alimentação de Arapongas (STIAAR), Anderson Zanelato, a Prodasa se comprometeu a pagar integralmente os salários de dezembro na segunda-feira (18).

O acordo também prevê o pagamento do décimo terceiro salário em três parcelas, com primeiro pagamento em 25 de janeiro. Outro ponto do acordo é a compensação dos dias parados. "Os trabalhadores vão compensar 4 dias em até seis meses", afirma. 

Da redação