Mais lidas

    Arapongas

    LEVANTAMENTO

    Roubos e furtos caem, mas homicídios disparam em Arapongas

    Roubos e furtos caem, mas homicídios disparam em Arapongas
    Foto por Pixabay
    Escrito por Da Redação
    Publicado em 19.02.2021, 10:47:32 Editado em 19.02.2021, 10:57:50
    Associe sua marca ao jornalismo sério e de credibilidade, anuncie no TNOnline.

    A Prefeitura de Arapongas, por meio da Secretaria Municipal de Segurança Pública e Trânsito (Sestan) e as Forças de Segurança (Guarda Municipal, Polícia Militar, Polícia Civil, Corpo de Bombeiros e Conselho Comunitário de Segurança), lançou na quinta-feira (18), o Plano Municipal de Segurança Pública 2021.

    Durante o encontro, o comandante da 7ª CIPM, major Humberto Cavalcante, divulgou o comparativo das ocorrências registradas em 2019 e 2020. 

    Os dados mostram que nos últimos dois anos Arapongas registrou queda de 16% nos furtos; redução de 30% nos roubos; 40% de redução furtos à residência; queda de 43% nos roubos à residência; redução de 16% furtos comércio e menos 30% nos roubos em comércio. Já sobre os veículos, houve diminuição de 2% nos furtos e 33% nos roubos. Para armas apreendidas foi registrada queda de 4%. Os acidentes de trânsito também diminuíram de 2019 para 2020, com o registro de queda de 20%. 

    No que se diz respeito aos homicídios, de 2019 para 2020 o número dobrou – saltando de oito para 16. As mortes no trânsito também tiveram aumento de 8 para 9. “Tivemos números positivos, mas também os índices de homicídios e mortes no trânsito nos preocupam. Por isso, nosso Plano de Segurança visa um planejamento estratégico que deve ser colocado em prática agora, para também obtermos êxito lá na frente. Vale destacar também a o apoio que temos tido da Polícia Civil, Guarda Municipal e demais órgãos”, declarou. 

    O major ainda declarou que entre projetos futuros a Polícia Militar busca ampliar o efetivo no município, levando uma Companhia Independente da PM para a Zona Sul, além de um pelotão na região do Cj. Flamingos – Zona Leste.

    CONTRAPARTIDA 

    Sobre o registro dos homicídios, os delegados Maurício de Oliveira Camargo, chefe da 22ª Subdivisão, e Thaís Orlandini Pereira, titular da Delegacia da Mulher, afirmam que houve a elucidação da maioria dos crimes. “Desses homicídios, 13 já foram elucidados. Temos uma equipe bem enxuta da Polícia Civil em Arapongas e isso torna o trabalho mais acumulativo, contudo temos dado conta e, claro, sempre contando com o grande apoio das Forças de Segurança, somados aos esforços do prefeito Sérgio Onofre. Temos uma GM e PM muito atuantes, o que ajuda a agregar valor e efeitos nos serviços desenvolvidos”, finaliza. 

    Gostou desta matéria? Compartilhe!

    Mais matérias de Arapongas

    Deixe seu comentário sobre: "Roubos e furtos caem, mas homicídios disparam em Arapongas"

    O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.