Arapongas

Quadrilha é presa após sequestrar caminhoneiros em Arapongas

PM Arapongas foi acionada pelo genro de uma das vítimas na noite desta quarta-feira (18)

Da Redação ·

A Polícia Militar (PM) de Arapongas prendeu cinco pessoas de São Paulo responsáveis por roubo agravado, sequestro de dois caminhoneiros e cárcere privado. A ocorrência foi registrada na noite de quarta-feira (18), no Bairro Alto da Boa Vista. Foram detidos quatro homens e uma mulher após fuga, acidente e troca de tiros com policiais.

continua após publicidade

A situação teve início por volta das 19h após o genro de uma das vítimas acionar a PM. Ele relatou que o sogro foi contratado para um trabalho, mas desconfiou que pudesse se tratar de um golpe e pediu que ele vigiasse à distância. 

Segundo ele, três homens chegaram no local em um Gol preto, abordaram seu sogro e o colocaram dentro do carro. Enquanto a polícia anotava a ocorrência, os bandidos retornaram ao local para levar o caminhão. Ao serem flagrados pela equipe, fugiram.

continua após publicidade

Durante a fuga, houve troca de tiros e os bandidos se envolveram em um acidente na BR-369. Após a colisão no muro de uma empresa, dois homens saíram do carro e fugiram a pé, mas foram presos posteriormente. No veículo também estava uma mulher que foi presa em flagrante e apontou o local do cativeiro, localizado na Vila Araponguinha.

No imóvel usado como cativeiro, a PM prendeu mais dois homens armados com pistola Taurus calibre 380 e um revólver calibre 32. 

Dentro da casa, segundo os policiais, além do caminhoneiro levado na situação no Alto da Boa Vista, um segundo homem estava sendo feito refém. Ambos estavam amarrados e sentados em um colchão.

continua após publicidade

O segundo caminhoneiro relatou aos policiais que estava em poder dos bandidos desde as 14h30. Ele também foi atraído até um ponto de encontro com promessa de trabalho. Nas duas situações, a quadrilha afirmava que precisava fazer uma vistoria no caminhão e chegou a se apresentar uniformizados e com coletes reflexivos.

Todos foram encaminhados a 22ª SDP.