Arapongas

Projeto Agrinho movimenta escolas da Rede Municipal de Arapongas

Conforme a Prefeitura Municipal, apenas em 2022, um total de 24 escolas aderiram ao programa, desenvolvendo ações em diversas categorias

Da Redação ·
Receba notícias no seu WhatsApp!
Participe dos grupos do TNOnline

Nesta terça-feira (05), a Prefeitura de Arapongas, por intermédio da Secretaria Municipal de Educação (Semed), divulgou que vem desenvolvendo diversas ações do Projeto Agrinho, programa de responsabilidade social do Sistema FAEP - Fundação da Agricultura do Estado do Paraná.

continua após publicidade

Conforme a Prefeitura, apenas neste ano de 2022, um total de 24 escolas da Rede Municipal de Ensino aderiram ao programa, desenvolvendo ações em diversas categorias. Os bonecos do Programa: a Ana, o Nando e o Agrinho, visitaram as instituições e reforçaram a importância dos projetos que visam a preservação do Meio Ambiente.

Na última semana, os personagens visitaram a Biblioteca Municipal Machado de Assis e foram acompanhados da coordenadora de projetos da Secretaria de Educação Rosângela Alvarenga Morassutti.

continua após publicidade

Em outra recente atividade, o Projeto Agrinho implantou a coleta seletiva na Escola Municipal Rural José de Carvalho, na Zona Rural de Arapongas. “Os alunos puderam acompanhar ações sobre sustentabilidade, separaram o lixo reciclável com seus familiares e trouxeram os resíduos limpos para a escola, além de assuntos sobre o tempo de decomposição e confecção de cartazes. Todas as nossas escolas municipais estão empenhadas e, para nós, é satisfatório acompanhar os bons resultados”, disse a secretária da Educação, Cristiane Cesária Pablos Rossetti.

O Projeto do Governo do Estado conta ainda com o "Concurso Agrinho", que é realizado todos os anos nas categorias de redação, desenho e experiência pedagógica. O objetivo é levar, através do material pedagógico, informações sobre saúde, segurança pessoal e ambiental às crianças, com temáticas de relevância social, dentro dos currículos escolares.

Visa proporcionar, ainda, uma educação crítica, criativa e que desenvolva a autonomia e a capacidade de professores e alunos, para que assumam papéis como pesquisadores e produtores de novos conhecimentos

continua após publicidade

O projeto é um resultado da parceria entre o FAEP, SENAR_PR, o Governo do Estado, mediante as Secretarias de Estado da Educação, da Justiça e da Cidadania, do Meio Ambiente e Recursos Hídricos, da Agricultura e do Abastecimento.


Fonte: Prefeitura Municipal de Apucarana.

GoogleNews

Siga o TNOnline no Google News