Arapongas

Polícia Civil vai investigar morte de professor em acidente

Segundo a PC, as apurações sobre o caso já começaram, mas ainda não existe uma linha de investigação.

Da Redação ·

A Polícia Civil (PC) de Arapongas investiga a morte do professor Cláudio Andrade, de 36 anos, em um acidente registrado na manhã desta quarta-feira, 11, na estrada do Bule, Zona Rural da cidade.

continua após publicidade

Segundo a PC, as apurações sobre o caso já começaram, mas ainda não existe uma linha de investigação. A equipe aguarda o laudo pericial e algumas diligências que serão feitas para poder dar mais detalhes sobre o caso.

O acidente fatal chama a atenção principalmente pelo fato de que o motorista do carro estava vestido com roupas especiais para prática de trilha de motociclismo e capacete. Cláudio Andrade deixa um filho de 15 anos.

continua após publicidade

 Nota de Pesar

A prefeitura de Arapongas divulgou uma nota de pesar pelo falecimento do professor, que era funcionário das secretarias de esporte e de educação. Lei a na íntegra a publicação:

“A Prefeitura do Município de Arapongas, através da Secretaria de Esporte, em profundo pesar, lamenta e se solidariza com familiares e amigos do professor e técnico desportivo Cláudio Andrade, pelo seu passamento ocorrido hoje em 11 de maio de 2022. Que Deus possa confortar o coração de todos! ”, diz a nota

continua após publicidade

O professor era muito conhecido na cidade e querido por todos. Muitas pessoas lamentaram a morte nas redes sociais:

Infelizmente muito triste em receber notícias que você meu aluno, Claudio Andrade foi morar com Deus, orgulho eterno de você sempre foi um excelente profissional e um ser humano grandioso”, diz uma mensagem.

Poxa meu amigo, não dá para acreditar que você partiu! Ficará a amizade, as boas conversas, os conselhos… Que Deus o tenha. Meus sentimentos a família”, diz outro depoimento.

continua após publicidade

Querido amigo professor Claudio Andrade é com muita tristeza que recebemos a notícia de que você partiu. Descanse em paz! Minha oração é para que Deus traga consolo aos corações de amigos e familiares”.

“A meu amigo Claudio Andrade quero sempre me lembrar de você assim, sorridente e feliz como sempre foi, que Deus o tenha. Descanse em paz nos braços do Pai”.

continua após publicidade

O acidente

Os Bombeiros e o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foram chamados por volta das 9h30 para atender o acidente. O condutor estava vestido com roupas de trilha de moto e até capacete, informaram os socorristas.

 O motorista foi identificado pelas autoridades que atenderam a ocorrência. É Cláudio de Andrade, de 36 anos. A vítima era professor da rede municipal de educação de Arapongas. Ele lecionava na Escola Rural José Monteiro.

A colisão aconteceu na Estrada do Bule, uma estrada rural bastante conhecida na cidade e região, de acesso a cachoeiras. As causas do acidente ainda não são conhecidas. Ao que tudo indica, o veículo saiu da pista num trecho de reta e bateu de frente com uma árvore, na margem da estrada. "É uma estrada tranquila, não estava chovendo e ele acabou colidindo contra a única árvore que existe dentro de vários metros da estrada, não tem nenhum sinal de frenagem ou derrapagem, outra coisa que chamou atenção da equipe, o condutor usava vestimenta de motoqueiro, de trilha, macacão, capacete, foi uma colisão tão forte que danificou toda frente, acionou o airbag , estourou até o cinto de segurança", repassou o condutor socorrista Rogério Fernandes.

A Polícia Civil, o Instituto de Criminalista e o Instituto Médico Legal (IML) foram chamados. Conforme apurou a reportagem, no momento do acidente o professor estava a caminho da escola. Claudio atualmente era professor municipal, já lecionou em várias escolas de Arapongas. Ele atuava também como instrutor e educador físico, além de ser envolvido em vários esportes.