Arapongas

Paraquedista morto em acidente de avião será sepultado em Arapongas

Velório começou por volta das 6h da manhã deste domingo na Capela do Prever

Da Redação ·
Receba notícias no seu WhatsApp!
Participe dos grupos do TNOnline
Luiz Carlos Vieira, de 51 anos, morto em um acidente de avião em Arapongas
fonte: Reprodução / Redes sociais
Luiz Carlos Vieira, de 51 anos, morto em um acidente de avião em Arapongas

Luiz Carlos Vieira, de 51 anos, morto em um acidente de avião em Arapongas neste sábado, 25, será sepultado neste domingo, 26, em Arapongas. O corpo foi liberado pelo Instituto Médico Legal (IML) ainda na noite de sábado e o velório começou por volta das 6h da manhã deste domingo, na Capela do Prever. O sepultamento será realizado às 16h, no Cemitério Municipal de Arapongas.

continua após publicidade

Luiz era um profissional experiente de um clube de paraquedismo da cidade e dono do avião acidentado. De acordo com o gerente do aeroporto, José Antônio Wielewicki, não haveria saltos neste final de semana, por isso, tudo indica que o voo deste sábado era apenas um passeio.

 

 Luiz era um profissional experiente de um clube de paraquedismo da cidade e dono do avião acidentado fonte: Reprodução / Redes sociais
Luiz era um profissional experiente de um clube de paraquedismo da cidade e dono do avião acidentado
continua após publicidade

Outras duas pessoas estavam no avião: o filho de Luiz, de 18 anos e o piloto. Ambos foram socorridos pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) e encaminhados ao hospital Honpar, em Arapongas. De acordo com informações do SAMU, os ferimentos destas vítimas não apresentavam gravidade e eles passam bem.

O acidente

Um avião monomotor caiu na tarde deste sábado (25), na rodovia PR-218, no final da pista do Aeroporto de Arapongas - Alberto Bertelli, na saída para Sabáudia, no Norte do Paraná.  A aeronave é um modelo N-592-420 . 

continua após publicidade

De acordo com a equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), um homem morreu e outras duas pessoas ficaram feridas. O piloto, segundo informações do Samu, tentou arremeter, depois de um pouco mal sucedido.

Conforme o subtenente Victor Moura, do Corpo de Bombeiros, a aeronave estava aterrissando, mas perdeu o controle e saiu da pista. "A vítima fatal foi ejetada e as outras foram encaminhadas para o hospital. Foi usada uma espuma anti chamas por conta do risco do avião pegar fogo", explica. 

O Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (Cenipa) será responsável pela perícia no local. Após a vistoria, o avião poderá ser retirado do aeroporto. A causa do acidente será investigada pelos órgãos responsáveis. 

GoogleNews

Siga o TNOnline no Google News