Arapongas

Família de jovem assassinado em Arapongas faz carreata

Familiares pedem por justiça no dia em que morte de jovem completa um ano

Da Redação ·
Imagem ilustrativa da notícia Família de jovem assassinado em Arapongas faz carreata
fonte: Arquivo pessoal

A família de Emerson Castilho comunicou que uma carreata será realizada às 9h deste sábado (26), dia em que completa um ano da morte do jovem, que tinha 22 anos, quando foi baleado com três tiros por um policial de folga em um bar na Avenida Siriema, em Arapongas.

continua após publicidade

De acordo com a tia da vítima, Meiri Castilho, a manifestação começará em frente à casa onde Emerson residia, na Rua Tovaçu, nº 702, e os protestantes partirão para a Igreja Matriz, onde vão estar a partir das 9h30. "Quem puder e quiser participar, serão todos muito bem-vindos e ficaremos muito gratos. Quanto mais gente, melhor. Nós não esquecemos", disse a familiar.

Relembre: 

continua após publicidade

Emerson Castilho tinha 22 anos e foi atingido por três tiros. O autor dos disparos é um policial que estava de folga em um bar. 

A Polícia Militar (PM) informou que o rapaz que morreu e outro jovem teriam tentando roubar um bar que fica na Avenida Siriema,o policial de folga, que estava dentro do estabelecimento, deu voz de abordagem.

Ainda de acordo com a PM, ele colocou a mão na cintura, diante da situação, o policial atirou três vezes. Emerson chegou ser socorrido pelo Samu, mas morreu no Hospital.

continua após publicidade

A PM encontrou uma arma, que era falsa, um simulacro, que estaria com o rapaz que morreu.

Amigos e familiares contestam a versão da polícia e garantem que Emerson não era assaltante, que era um jovem trabalhador